E agora José??

Ontem estava conversando com um colega de trabalho.. e sabem quando há coisas que saltam em usa mente e você pára do nada e analisa os fatos e tudo o mais... não sei quantas pessoas pensam isto, não sei se é diário, não sei.. mas sei que ontem este pensamento me pegou de jeito...

O que você tem feito da sua vida?? Como está a sua vida até agora?? O que você tem feito da sua única oportunidade de viver??

Parei e vi minha vida como em um filme sabem... estou com 26 anos.. e o que eu tenho??

E sabem.. não é somente o agora.. será que eu levei a minha vida para o caminho certo?? Será que eu não deveria ter feito outra coisa?? Escolhido o outro caminho?? Cortado caminhos talvez??? Parece que o tempo tá passando e não o estou conseguindo vê-lo...

Ah.. que agonia me deu nesta hora... fiquei analisando fatos da minha vida.. "Porque eu não fiz assim?".. "Porque eu não fiz assado?"...

Eu confesso que é uma sensação muito ruim.. mas também é, de um ponto de vista, totalmente necessário...

Acho que as vezes temos estes momentos para analisar o que fizemos até hoje .. decidirmos o que devemos continuar fazendo, o que devemos parar de fazer e o que devemos começar a fazer...

De uma certa forma, eu não pensei em nada.rs... nada de novo.. apenas que, sei lá, parece que o tempo tá passando, que eu não tô sentindo e que não há conquistas valiosas sabem?? Não me refiro a bens materiais.. mas muito mais que isto...

Eu sei que Graças a Deus eu até que tenho muita coisa comparando com tantas e tantas pessoas.. mas mesmo assim.. tá faltando muita coisa aqui nesta minha vida...

Ah gente, confesso que nem mesmo sei explicar o que é.. se alguém puder ajudar, digam-me o que tá pegando por este meu coração apertado....

E pra finalizar... o texto que é bem isto .. este Carlos sabia tudo o que estava escrevendo..

E agora, José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora, José ? e agora, você ? você que é sem nome, que zomba dos outros, você que faz zersos, que ama protesta,e agora, José ?

Está sem mulher, está sem discurso, está sem carinho, já não pode beber, já não pode fumar, cuspir já não pode, a noite esfriou, o dia não veio, o bonde não veio, o riso não veio, não veio a utopia e tudo acabou e tudo fugiu e tudo mofou, e agora, José ?

E agora, José ? Sua doce palavra, seu instante de febre, sua gula e jejum, sua biblioteca, sua lavra de ouro, seu terno de vidro, sua incoerência, seu ódio - e agora ?

Com a chave na mão quer abrir a porta, não existe porta; quer morrer no mar, mas o mar secou; quer ir para Minas, Minas não há mais. José, e agora ?

Se você gritasse, se você gemesse, se você tocasse a valsa vienense, se você dormisse, se você cansasse, se você morresse… Mas você não morre, você é duro, José !

Sozinho no escuro qual bicho-do-mato, sem teogonia, sem parede nua para se encostar, sem cavalo preto que fuja a galope, você marcha, José ! José, pra onde ?


Carlos Drummond de Andrade.

Comentários

Mário e Cris disse…
Bom dia Sil,

Um belo post esse seu...acredite: Todos nós em determinado ponto da vida para e feaz esse mesmo questionamento...inevitável não pensar e, e muito!
Mas uma coisa eu aprendi nesses meus 36 anos Sil: Não adianta tentar ter todas as respostas, e conheço um ditado que traduz bem isso que eu quero te dizer:

"Quando eu penso que tenho todas as respostas,vem a vida e muda todas as perguntas"...

"Coisas da vida querida"...

Obrigada pela tão carinhosa visita, um fim de semana iluminado,
Cris
Gilmara S. disse…
Ahhhhhhhhhh!!! A d o r e i o selo, publiquei no meu layout pra ele n sair mais da minha pag, e qdo alguém clicar nele cai direto aki no seu blog!!! Adoreiii! Obrigada!
bjos e até a próxima atualização!!!
Luna Sanchez disse…
Sil, acho que não tem criatura pensante que não se martirize, vez ou outra, com essa questão. A cada vez que escolhemos um caminho, pelo menos um é deixado para trás. E quando não conseguimos o resultado que esperávamos, é natural que a gente se pergunte se não teria sido melhor ir para o outro lado...O caso é que isso é muuuuito angustiante, já que não podemos fazer o tempo voltar, né?

Mas, olha a boa notícia : temos todo o tempo do mundo para tentar, experimentar, buscar, ousar! O que passou, passou, mas o presente está aqui, doido pra ser explorado, cheio de perspectivas.

Sei que é clichê, e que olhar para trás é importante, mas só se usarmos o que aprendemos para fazer as coisas de um jeito melhor...se não, não vale.

Beijos, queridona.

ℓυηα
Déia disse…
Oiiiiiiiiiii querida!

Todo mundo passa por isso, pelo menos 1 x na vida!
E sabe? É um ótimo sinal...
Sinal que amadureceu, que precisa focar e organizar suas reais necessidades...

A caminhada começa com o primeiro passo e com o foco no objeto de desejo.

E agora José? Levanta e vá atrás do que te faz feliz!

bj
' isaa * disse…
ai, essa sensação é ruim mesmo.
mas o que foi feito foi feito. nao há como mudar o passado. mas eu nao gostaria de ter mudado nada, as coisas acontecem como elas tem que acontecer.
o negócio é aproveitar cada segundo!
:D
beijos !
Bárbara disse…
Eu nem me preocupo muito com isso porque eu acredito que essa não é a nossa única oportunidade mas tento fazer tudo certo que seguir sempre o melhor caminho possível!Mas a vida é uma aventura e na dúvida diga sim porque é melhor você se arrepender de uma coisa que você fez do que de uma que você não fez e que nunca vai saber no que teria dado se tivesse feito!
Beijoooooooooooos
Fran disse…
Amada, tem selinho pra ti lá no blog :)
Silvania disse…
Ai flor...no momento é ruim, ms tem o lado bom como vc mesma citou e aos pouquinhos tu vai encontrar a respostas para esses questionamentos. Eu também tou passando por um turbilhão de coisas, mas vou levando e decidí lutar mais por mim sem esperar por ninguém. Hj na facul precisei de uma ajuda e um amigo negou-me, disse que se eu tivesse interessada teria ido atras a mais tempo...isso me doeu, e penso que amigos é pra qualquer hora, mesmo que o outro se desligue um pouco dos seus deveres. Em vez de perguntat critica...sofro muito quando os outros me rotulam, eu sou muito boba, não sei dizer NÃO, e quando me dizem fico pessima. Claro que depende da neação, mas negar mão amiga é ruim demais..
Mais uma vez desabafando né? Tow fazendo do teu blog o meu divã, kkkk
bjooo
Olha gente...

Não é por nada não.. mas eu me arrependo sim, de muita coisa que eu fiz de errado.. assim como também muita coisa que eu deixei de fazer pensando que seria certo ou errado...

Enfim... não adianta falar o contrário que não é verdade... a sinceridade deve sempre prevalecer....

Rs....

Mas o importante é ser feliz com as escolhas que se tomou, e se não deu certo.. pare, pense, volte e pegue o outro caminho - se possível for - e ai, então vc pode até encontrar o caminho da felicidade....

;)
Andrea disse…
É, as coisas não serão como antes, mas poderão ser melhores!

Temos que achar forças e mudar esse final... pois ainda não está escrito...
Nunca nos acomodarmos com aquilo que incomoda!

E sozinhos?! Somos mesmo ! Guerreiros de um homem só! E devemos buscar nossos sonhos... sempre!

bjinho
Bom dia amiga Borboleta ^.~

E bom receber vc no jardim,viu...rs

Estou feliz com esse blog que a amiga Luna Poderosa criou e tb me convidou,e melhor conhecer encantadoras borboletas uma dela ja e vc...rs
Um lindo fds...

Doces Beijos

Doce Essencia

Postagens mais visitadas deste blog

Família é Família... Agregados também!!!